Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

mensalão

Dirceu negará vínculos com envolvidos

17 JUN 2012Por terra11h:20

Às vésperas do julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), marcado para agosto, a defesa do ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu tem estratégia definida para o caso. Os advogados do petista tentarão desvincular o nome de Dirceu dos demais envolvidos no escândalo, que colocará 38 pessoas no banco dos réus. Apontado pelo Ministério Público como o chefe do "organograma delituoso", José Dirceu agora tenta afastar-se de nomes como do ex-tesoureiro Delúbio Soares e do publicitário Marcos Valério. As informações são do jornal O Globo.

"Não há nenhuma relação de Dirceu com Marcos Valério. O ex-ministro sofreu devassa em sua vida em 2005, com quebra de sigilos, e qual a relação existente como Marcos Valério? Zero", disse José Luiz de Oliveira Lima, advogado de Dirceu. Para o advogado, o mensalão nunca existiu e seu cliente é inocente das acusações. "O mensalão não existe. Eu falo que José Dirceu deixou de participar da direção do PT com base em depoimentos. É humanamente impossível um homem público exercer um cargo de ministro-chefe e ainda interferir nos atos de dirigentes do PT", alegou o advogado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também