Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

SISTEMA PENITENCIÁRIO

Dilma se reúne com Cardozo para debater

16 JAN 14 - 07h:15AGÊNCIA BRASIL

A presidente Dilma Rousseff se reúne hoje com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. O encontro está marcado para as 15h, no Palácio do Planalto. Eles devem avaliar os desdobramentos da crise no sistema penitenciário do Maranhão. Outro assunto que deve ser discutido é a entrada ilegal de novos haitianos no Acre, pela fronteira com o Peru.

Nessa quarta-feira (15), um mutirão judiciário começou um levantamento sobre a situação dos presos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Cinco salas foram reservadas no Fórum de São Luís para os trabalhos, que reúnem 22 juízes, 28 promotores de Justiça e 21 defensores públicos do estado. O objetivo é identificar presos temporários ou que já cumpriram suas penas e podem ser colocados em liberdade. O mutirão também pretende fazer um levantamento dos presos de menor periculosidade, que podem receber penas alternativas ou serem colocados em liberdade condicional com o uso de monitoramento eletrônico.

A crise no sistema prisional maranhense culminou com a morte de uma criança e com quatro pessoas feridas depois que bandidos colocaram fogo em ônibus em São Luís. A ordem para os ataques partiu de dentro da Penitenciária de Pedrinhas, onde duas facções rivais brigam pelo controle do presídio.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Capital já teve instalação de 67 semáforos e 60 sustituídos
CAMPO GRANDE

Capital já teve instalação de 67 semáforos e 60 sustituídos

Quatro são baleados após briga por banheiro em conveniência
CAMPO GRANDE

Quatro são baleados após briga por banheiro em conveniência

Governo assina acordo com Caixa para obras de esgoto em 16 municípios
SANEAMENTO BÁSICO

Governo assina acordo com Caixa para obras de esgoto em 16 municípios

Indústrias vão gerar mais 700 novos empregos no Estado
ESFORÇOS

Indústrias vão gerar mais 700 novos empregos no Estado

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião