Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

mensagem

Dilma reafirma compromisso de controle da inflação

3 FEV 14 - 16h:46Terra

A presidente Dilma Rousseff aproveitou a mensagem enviada ao Congresso Nacional para reafirmar seu compromisso com o controle da inflação, contas públicas e taxa de câmbio. A presidente aproveitou o texto para fazer um grande balanço do seu governo, abordando ponto a ponto dos feitos do governo federal.

“Daremos continuidade à política de responsabilidade fiscal com o equilíbrio das contas públicas. Pelo décimo ano consecutivo a inflação se manteve na banda de metas, porque mostra consistência na nossa política monetária”, disse a presidente, em texto lido no plenário da Câmara dos Deputados pelo senador João Vicente Claudino (PTB-PI), 4º secretario do Congresso Nacional. A meta de inflação do Brasil é 4,5%, com margem de dois pontos percentuais – dentro das quais o governo consegue se manter.

“A taxa de câmbio manteve-se em patamar adequado”, afirmou Dilma em outra ocasião, lembrando que as reservas internacionais de US$ 376 bilhões “que nos dão a segurança para superar instabilidades que ainda marcam o comportamento da economia internacional”.

O texto atribuído à presidente foi lido durante solenidade de abertura do ano Legislativo. Na ocasião, Aloizio Mercadante fez ainda seu primeiro ato como ministro-chefe da Casa Civil, ao levar a mensagem do governo ao Congresso Nacional – documento com a lista de prioridades do Palácio do Planalto no ano de votações. Dentre outras coisas, são prioridades do governo a aprovação do marco civil da internet, marco regulatório da mineração, a aprovação do projeto que destina os 10% adicionais da multa do FGTS para o programa Minha Casa Minha Vida, a regulamentação da PEC das domésticas além da aprovação de todas as medidas provisórias.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Pacote anticrime está na mira de advogados

SAÚDE

Bolsonaro será avaliado em Brasília pela equipe médica antes de viagem a NY

DOLEIRA

TRF-4 nega recursos da União para blindar R$ 43 mi de delatora da Lava Jato

BRASIL

Relatório da indicação de Aras à PGR deve ficar pronto até terça

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião