Quarta, 13 de Dezembro de 2017

inauguração de estádio

Dilma conversa com operários e bate bola

20 FEV 2014Por folhapress10h:38

A presidente Dilma Rousseff participou hoje (20) de uma inauguração extraoficial do estádio do Beira-Rio, a sede de Porto Alegre na Copa do Mundo.

Por cerca de 45 minutos, a presidente recebeu homenagens da diretoria do Internacional, dono da arena, conversou com operários da obra e bateu bola com jogadores da equipe gaúcha.

O pontapé inicial foi dado por Dilma em uma tabelinha com o argentino D'Alessandro, camisa 10 do Inter.

Também participaram da comitiva o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati (PDT), e o presidente do Inter, Giovanni Luigi. O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, e Ronaldo, membro do COL (Comitê Organizador Local), também estiveram presentes.

"O estádio superou as expectativas de todos. Ela [Dilma] disse que ficou incrível, muito melhor que o Beira-Rio que conhecia antes", disse Luigi.

A presidente e Valcke não concederam entrevistas.

O acordo para o pagamento das estruturas temporárias que serão utilizadas na área do Beira-Rio durante a Copa do Mundo foi selado ontem.

O governo gaúcho e a prefeitura de Porto Alegre bancarão com recursos próprios e incentivos fiscais a maior parte do material que for necessário.

O Beira-Rio recebeu no sábado sua primeira partida após a reforma para sediar a Copa. O Inter, dono da casa, goleou o Caxias por 4 a 0, em evento-teste para apenas dez mil pessoas.

Apesar de já ter recebido um jogo oficial, o estádio ainda não está pronto. As obras ainda continuam, principalmente no lado externo da arena.

A presidente Dilma segue ainda hoje para Caxias do Sul (RS), onde participa da abertura da Festa da Uva. 

Leia Também