sábado, 21 de julho de 2018

Destaque

Diego Maradona completa 50 anos e diz não ter motivos para comemorar

31 OUT 2010Por Buenos Aires, Argentina00h:00

Um dos personagens mais geniais - e mais polêmicos - do futebol mundial completou ontem, 50 anos de vida. Como não podia deixar de ser, Diego Armando Maradona chega a meio século de vida sem ter uma definição de qual será o seu futuro.

O segundo maior jogador de futebol de todos os tempos deixou o comando técnico da seleção argentina depois da última Copa do Mundo, quando foi um dos grandes personagens do Mundial. Mesmo tendo levado os argentinos às quartas de final e ter chegado em seu país como herói, Maradona deixou o cargo brigado com os dirigentes da Associação de Futebol da Argentina e ultimamente só tem lamentado sua indefinição.

Ontem, El Pibe de Oro afirmou que não tem nada para festejar no dia em que completa 50 anos. “É o aniversário mais triste da minha vida, eu não quero festejar. A Dalma (filha) e a Vero (namorada) insistiram, mas não me convenceram. Tenho algo dentro do peito que não me deixa comemorar”, disse, ao jornal argentino Olé.

Desde o Mundial, Maradona tem sido ligado a diversas equipes que procuraram técnicos, mas o ex-jogador ainda não decidiu o que fará de sua carreira como treinador.

Mesmo que não volte a comandar equipes de alto escalão do futebol, o que sempre ficará marcado sobre Maradona será sua genialidade dentro das quatro linhas.

Leia Também