Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 11 de dezembro de 2018

três lagoas

Dia da Água tem passeata e campanha

22 MAR 2011Por ANA MARIA BARBOSA16h:18

O Dia Mundial da Água, em Três Lagoas, foi marcado pelo lançamento da campanha Pouca Água & Muita Limpeza, da Câmara Municipal de Três Lagoas, além de aprovação de projetos de lei que norteiam a defesa dos recursos hídricos no município. Uma animada passeata ao redor da Lagoa Maior, envolvendo 140 crianças atendidas pelo projeto assistencial AABB Comunidade, também mobilizou a comunidade para o assunto.
Os vereadores votaram dois projetos de lei alusivos à água, ambos de autoria do presidente da Casa, professor Nuna Viana. Um, cria a Frente Parlamentar de Defesa das Águas, com objetivo de que o Legislativo faça parte da instituição de uma política pública para uso e defesa dos recursos hídricos do município.
“Temos que lembrar que a industrialização é crescente e isso impacta nosso estoque de água. Hoje, a população local consome 12 milhões de metros cúbicos por ano, enquanto as grandes indústrias instaladas e em implantação terão consumo de 162,8 milhões de metros cúbicos por ano. A frente parlamentar, junto com outros setores da sociedade tem que se organizar para regulamentar este uso”, defendeu Nuna Viana, lembrando que as reservas de água da cidade, seja no rio Paraná ou nos aqüíferos Guarani e Santo Anastácio, são parte do atrativo às indústrias, como as de celulose, cujo insumo básico, além da madeira é a água.
O outro projeto aprovada instituiu a Semana Municipal da Água, sempre coincidindo com o Dia Mundial. Nesta data, o município, entidades e outros órgãos farão atividades educativas sobre o assunto. Durante a sessão na Câmara, o professor doutor em geologia, José Luiz Lorenz Silva, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, falou aos alunos e autoridades presentes, destacando a necessidade de utilização racional do bem, seja em âmbito doméstico, ou das políticas públicas para uso de águas subterrâneas e de rios.
Durante o dia, funcionários da Câmara estão distribuindo panfletos nas escolas privadas e públicas, com regras de economia doméstica e de mudanças de hábitos para um consumo consciente. A proposta é que, a exemplo do Dia Mundial sem Carro ou da Hora do Planeta, a população tome um banho usando um balde de água, para avaliar que pouca água pode ser suficiente para a higiene pessoal e para a limpeza.

Passeata
Já na passeata pela pista circular da Lagoa Maior, principal ponto turístico de Três Lagoas, as crianças, portando faixas, cartazes e máscaras, que elas mesmas produziram, transmitiam mensagens sobre a preservação dos recursos hídricos, às pessoas que fazem caminhada.
“Escolhemos a Lagoa Maior por estar totalmente ligada a esta data”, explicou a assistente pedagógica Elaine Cristina Ornelas. Ela ainda ressaltou que o trabalho teve cunho educativo para os próprios alunos. “Aproveitamos a oportunidade para transmitir aos nossos alunos noções de cuidados com o meio ambiente e principalmente com a água. A atividade de hoje nos permitiu relacionar o cotidiano dos alunos com a preservação da água, mostrando-lhes que essa preservação é fundamental para a sustentabilidade do meio ambiente e da sociedade”, explicou Elaine.


 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também