Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

CAMPO GRANDE

DERF desarticula quadrilhas

13 OUT 2010Por 19h:13

Desde o mês de agosto até agora, a Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Roubos e Furtos (Derf) registrou dois assaltos a malotes em via pública e residências na Capital, este último quando gera maior risco para as vítimas, como por exemplo, com integrantes da famílias abordadas e trancadas em casa. Os números estão bem abaixo da média mensal de ocorrências, com 22 registros em roubo de malotes e 20 em residências.

De acordo com o titular da Derf, delegado Roberval Maurício Cardoso Rodrigues, a redução de roubos a malotes e residências é resultado de estratégias de trabalho assumidas por aquela unidade e que tirou de circulação pelo menos seis quadrilhas. “Desde o mês de maio passamos a fazer uma investigação mais aprofundada destes tipos de roubos. Investigamos o perfil da quadrilha, ou seja, como atuava nestes roubos e chegamos aos cabeças da quadrilha”, explicou.

O delegado explicou ainda que com as quadrilhas ainda existiam ramificações que também faziam assaltos às residências. As quadrilhas, segundo o titular da Derf, não atuavam em regiões específicas, mas em toda a cidade. “No caso de roubo em residências, essas quadrilhas circulavam para ver as casas e acompanhavam as pessoas que entravam e saiam e conheciam a rotina daquela família”, disse.

 

Já em relação ao roubo de malotes, a operação era feita do mesmo jeito. “As quadrilhas monitoravam quem entrava e saía do banco, se era o mesmo horário, de determinada empresa e seguiam o veículo da vítima. Para todas as situações, a dica é mudar a rota sempre, se possível, de vez em quando usar outro carro, isto é, mudança de rotina”, alerta.

A Derf está localizada na rua Américo Marques, 27, Vila Sobrinho. O telefone para contato é 3368-6600.




 

Leia Também