Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Deputados pedem revisão de dívidas dos estados com a União

4 JUL 12 - 21h:00agência brasil

Deputados estaduais de todo o país pediram hoje (4) a revisão do indexador das dívidas dos estados. Os parlamentares também reivindicaram a redução da parcela que as unidades da Federação são obrigadas a desembolsar todos os meses para pagar o serviço da dívida.

As propostas foram apresentadas aos presidentes do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS). No fim da tarde, os parlamentares protocolaram as sugestões no Tribunal de Contas da União (TCU). A mobilização foi organizada pela União Nacional dos Legisladores e dos Legislativos Estaduais (Unale) e por presidentes de assembleias legislativas.

A entidade defende a alteração do indexador pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) mais juros até 2% ao ano. Atualmente, o endividamento dos estados é corrigido pelo IGP-DI mais 6% ou 7,5% ao ano, dependendo da unidade da Federação. Os deputados também querem a redução de 13% para 9% da parcela das receitas líquidas reais (RLR) comprometida com o serviço da dívida.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Processo seletivo para entrevistador social vai contratar 50 profissionais
ASSISTÊNCIA SOCIAL

Processo seletivo para entrevistador social vai contratar 50 profissionais

Dinheiro do FGTS serve para aliviar dívidas no fim do ano
Pagamento FGTS

Dinheiro do FGTS serve para aliviar dívidas no fim do ano

'Síndrome do idoso' frágil é uma das doenças alegadas pela defesa para tirar Name de presídio
MILÍCIA NA CADEIA

'Síndrome do idoso' frágil é uma das doenças alegadas para tirar Name de presídio

Juiz é alvo de operação do Gaeco contra venda de sentença
CORRUPÇÃO

Juiz é alvo de operação do Gaeco contra venda de sentença

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião