Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CARGOS

Deputados aprovam criação para STJ e ampliação da Defensoria

Deputados aprovam criação para STJ e ampliação da Defensoria
16/03/2014 21:00 - FOLHAPRESS


A Câmara dos Deputados aprovou na última quarta-feira a criação de cargos para o STJ (Superior Tribunal de Justiça), uma vara federal no município de Pitanga (PR), além de uma proposta de emenda à Constituição que prevê a ampliação do número de defensores públicos no país em um prazo de oito anos.

Segundo líderes governistas e o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, apesar das propostas terem impacto no orçamento, elas não podem ser consideradas da chamada "pauta bomba" porque estão previstas no Orçamento da União.

Para o STJ, foram criados 708 cargos, sendo 193 de analista judiciário e os demais de cargos em comissão. A matéria será enviada ao Senado. A proposta tem impacto previsto de R$ 39,7 milhões neste ano.

A vara no Paraná contará com dois juízes (um titular e um substituto), 13 analistas judiciários e quatro técnicos. Além dos cargos efetivos, são criados um cargo em comissão e mais 13 funções comissionadas. Os custos com pessoal e custeio anual da unidade serão de R$ 5,38 milhões. O texto segue para análise dos senadores.

A PEC sobre a Defensoria Pública determina que União e Estados deverão em até oito anos contar com pelo menos um defensor público por comarca do país. De acordo com a justificativa do projeto, estudo recente do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, órgão vinculado à Presidência) aponta que mais de 70% das comarcas brasileiras não possuem defensores públicos. O projeto não apresenta estimativa de custo. A proposta será votada pelo Senado.
 

Felpuda


Engana-se quem acha que diminuiu a voracidade de ter fatia de cobiçado bolo por parte de “quem manda”. O recuo realmente houve, mas só por enquanto e por uma questão de estratégia, até porque, nas primeiras investidas, as portas não se abriram. E continuam fechadas. Mas quem conhece bem a dita figurinha aposta que ela não desistirá até encontrar, digamos,  um “chaveiro amigo”. Essa gente não sossega nem diante da pandemia... Afe!