Campo Grande - MS, domingo, 19 de agosto de 2018

NA MESMA

Depois do tarifaço, custo da energia em MS se aproxima da taxa de 2008

6 MAI 2011Por Osvaldo Júnior00h:02

Com o reajuste médio de 17,49%, aplicado neste ano, o valor da conta de energia elétrica do consumidor residencial de Mato Grosso do Sul já se aproxima do que era cobrado em 2008, quando a concessionária realizou a última revisão tarifária. Na época, o valor de mil quilowatts passou de R$ 419,15 para R$ 433,64 (sem impostos), apenas R$ 3,02 acima do que o sul-mato-grossense paga hoje (R$ 430,62). Os números constam de levantamento realizado pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômicas e Sociais (Nepes) da Universidade Anhanguera-Uniderp.
Pelo levantamento, o valor da conta de luz, sem considerar os impostos, sofreu leve deflação de 0,70% na comparação entre 2008 e abril deste ano. Essa queda chega a 2,56%, se considerar a tarifa do cliente de baixa renda e com consumo entre 101 kwh e 200 kwh. Neste caso, o valor de mil quilowatts caiu de R$ 443,80 para R$ 442,46.

Leia mais no jornal Correio do Estado
 

Leia Também