Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

JUSTIÇA

Depoimento de Artuzi durou pouco mais de meia hora

11 NOV 2010Por VIVIANNE NUNES, EVELIN ARAUJO E MARIA MATHEUS09h:41

O prefeito afastado de Dourados, Ari Artuzi (sem partido), prestou depoimento hoje pela manhã no prédio do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. O depoimento, que durou pouco mais de meia hora aconteceu na presença do do relator do processo, desembargador Claudionor Abss Duarte, um promotor e o advogado de defesa, Carlos Marques. Sob um forte esquema de segurança, ele deixou o prédio e possivelmente foi levado de volta ao Presídio Federal de Segurança Máxima, onde esta preso.
A imprensa não teve acesso à ele e muito menos ao prédio do Tribunal, no Parque dos Poderes.

Artuzi chegou por volta das 8h40min ao Órgão Especial do Tribunal de Justiça para prestar depoimento pelo processo referente à Operação Owari, da Polícia Federal. Ele chegou algemado, visivelmente mais magro e com os cabelos raspados. Três viaturas do Departamento Nacional Penitenciário, duas delas fazendo escolta e uma com Artuzi, chegaram pela entrada lateral do prédio.

Além dele, outros dez acusados de desvio de dinheiro e fraude em contratos da saúde serão interrogados pelo relator Abss Duarte.

Leia Também