Quinta, 22 de Fevereiro de 2018

Denar prendeu 200 pessoas em 2010 por tráfico de entorpecentes

17 FEV 2011Por NOTÍCIAS MS21h:06

As ações de combate ao tráfico de drogas em Mato Grosso do Sul resultaram na prisão de 200 pessoas durante todo o ano passado, conforme dados da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar). Os números correspondem somente a prisões feitas pela Denar em 127 operações de janeiro a dezembro de 2010.

O levantamento da Delegacia Especializada mostra ainda que a repressão ao narcotráfico fez aumentar a quantidade de cocaína apreendida em Mato Grosso do Sul: em 2010 foram apreendidos 56.840 gramas do entorpecente enquanto em 2009 foram apreendidos 8.625 gramas da droga. Já em quantidade de maconha a Denar apreendeu 441.775 gramas. No total foram presas 498.615 gramas de drogas pela delegacia.

No mês de janeiro deste ano a Denar já apreendeu 434 gramas de entorpecentes, sendo 243 gramas de cocaína e 191 gramas de maconha. Também em janeiro deste ano foram instaurados 103 inquéritos policiais (56 relatados e 47 em tramitação) e 29 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs), todos em tramitação.

Em 2010 a Denar instaurou um total de 657 inquéritos, destes 554 relatados e 103 em tramitação. O número de TCOa, conforme o balanço da Denar ficou em 300, todos eles relatados.

O maior foco da Denar está na apreensão de drogas nas bocas de fumo e fornecedores de droga. A partir das investigações, a delegacia faz uma espécie de mapeamento da droga verificando qual a sua origem, quem sustenta a boca de fumo e toda a parte financeira.

A Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico realiza diversas ações também e caráter preventivo na Capital e no interior, como palestras educativas nas redes pública e particular de ensino. As palestras também são direcionadas aos professores que são multiplicadores de informações e trabalham o assunto diariamente com os alunos.

Leia Também