Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Medicina

Delegada quer mais tempo para apurar fraude em vestibular

18 JAN 14 - 00h:00Laura Holsback

Sem avanço nas investigações, a Polícia Civil pediu mais 30 dias ao Ministério Público para continuar investigações sobre esquema de fraude descoberto no vestuibular de medicina, da Uniderp/Anhanguera, cujas provas foram aplicadas no dia 10 de novembro.

Por enquanto, conforme a delegada, Ariene Nazareth Murad. da Delegaia Especializada de Repressão a Crimes de Defraudações e Falsificações, não há executores identificados. “Não temos novidade.

Dos 22 candidatos flagrados no dia, participando da fraude, apenas três falaram e as informações deles não foram concretas”, disse.

A poícia trabalha com a suspeita de que a quadrilha que orquestra o crime seja de fora do Estado de Mato Grosso do Sul.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

RIO DE JANEIRO

Sobe para 14 número de mortos após o incêndio no Hospital Badim

Agehab dá desconto <br> a 11 mil inadimplentes
DE ATÉ 100%

Agehab dá desconto
a 11 mil inadimplentes

Maníaco sexual já fez<br> seis vítimas, diz polícia
ESTUPRADOR EM SÉRIE

Maníaco sexual já fez seis vítimas, diz polícia

BRASIL

Ministério da Agricultura publica registro de 63 defensivos agrícolas

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião