sexta, 20 de julho de 2018

JARDIM TIJUCA

Degoladas eram garotas de programa e Regina era informante da polícia

9 DEZ 2010Por VIVIANNE NUNES E EVELIN ARAUJO10h:46

Regina Bueno França, de 40 anos, e Cláudia de Araújo Mugnaíne, de 34 anos, encontradas degoladas no dia 1º de dezembro, no Jardim Tijuca, em Campo Grande eram garotas de programa e Regina era informante da polícia, conforme informou Edilson Santos Silva, delegado titular da Delegacia de Homicídios nesta manhã.

Regina teria delatado Eder Rampagne Castedo por estar foragido do semiaberto. Ele foi preso pela polícia e teria ligado para o seu irmão, Cristhian Rampagne Castedo, encomendando o assassinato de Regina e Cláudia, que eram amigas.

O crime, segundo a polícia, foi cometido por Weber de Souza Barreto, que está foragido da polícia. 

Leia Também