Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 13 de novembro de 2018

Pedido de Impeachment

Defesa de Lugo alega inconstitucionalidade

22 JUN 2012Por agência brasil11h:32

Os advogados de defesa do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, ofereceram hoje (22) à Secretaria Judicial nº 1 uma representação alegando inconstitucionalidade do pedido de impeachment contra ele aprovado ontem (21) pela Câmara dos Deputados. A informação é da agência de notícias paraguaia IP Paraguay.

Com essa ação, os advogados do presidente solicitaram a suspensão do julgamento político marcado para a tarde de hoje.

Por 73 votos a 1, os deputados paraguaios aprovaram o pedido ontem e hoje ele será analisado pelo Senado. Lugo é acusado de vínculos com movimentos sociais do país e de falta de ação, por exemplo, contra a invasão de terras.

De acordo com a agência, os dois juízes que teriam que analisar o caso estão viajando e, diante disso, o tribunal terá que reunir outros magistrados para julgar o pedido. A arguição de constitucionalidade é assinada pelos advogados, Adolfo Ferreiro e Emilio Camacho.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também