segunda, 16 de julho de 2018

CORUMBÁ

Decoração natalina no Jardim da Independência

10 DEZ 2010Por dIÁRIO ONLINE11h:33

O clima de festas de final de ano se instalou definitivamente em Corumbá. A inauguração da decoração natalina do Jardim da Independência, na noite desta quinta-feira, 09 de dezembro, trouxe com ela, o ar de encantamento e magia característicos da época. A cada lado que se olha, a praça respira Natal.

O coreto abriga a Casa do Papai Noel e o Bom Velhinho está lá, sempre pronto para receber as crianças, ávidas em pedir os mais variados presentes. Uma exposição de presépios é a responsável por manter vivo o significado da data, com a recriação do momento do nascimento de Jesus Cristo na manjedoura. Ainda são atrativos o passeio de canoa no lago e o chafariz iluminado.

“Agora sim vejo que é Natal”, disse ao Diário Márcia Leite enquanto aguardava na fila o momento para os dois filhos – um com 4 anos e o outro com 6 – visitarem a Casa do Papai Noel.  “É um período interessante porque parece que as pessoas ficam mais generosas”, complementou.

O encantamento maior ficou para as crianças, pareciam deslumbradas. “Nunca vi essa praça tão bonita desse jeito”, disse o pequeno Júlio César que acompanhava com o pai a festa de inauguração da decoração. “Eu vi o Papai Noel”, afirmou Felipe, de 4 anos, ao pular no braço da mãe.

Depois de inaugurar a decoração, e visitar a Casa do Papai Noel ao lado dos filhos e da primeira-dama, Beatriz Cavassa de Oliveira, o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira disse, num breve discurso, que a data é carregada de significado.

“Entendemos que precisávamos de um local destinado para contemplarmos o Natal. Uma data que nos traz muita expectativa e esperanças. Desejamos que todos de Corumbá e Ladário tenham um Natal com muita luz; paz; realizações e muitas conquistas e progresso na vida em 2011”, afirmou Ruiter. Fonte: Diário Corumbaense (www.diarionline.com.br).

Diariamente, sempre a partir das 19 horas, o Jardim da Independência terá atrações culturais durante o período natalino. 

Leia Também