Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Debaixo do maior quieto, grupinhos daqui e grupinhos dali...

Debaixo do maior quieto, grupinhos daqui e grupinhos dali...
10/01/2014 00:00 - Ester Figueiredo


Debaixo do maior quieto, grupinhos daqui e grupinhos dali vêm tentando, digamos assim, desatar os nós que se criaram no novelo político existente em Mato Grosso do Sul. Figurinhas experientes têm dito por aí que alguns deles, conhecidos como “nós cegos”, vão continuar atrapalhando o processo sucessório deste ano. Quem viver, verá!

Felpuda


Tudo indica que o MDB não conseguiu convencer o PSDB de iniciar namoro com vistas a casamento nas eleições, e a ideia teria sido descartada. Os tucanos demonstraram que o problema deles não é o cargo: os emedebistas ofereceram a vaga de vice na disputa à Prefeitura de Campo Grande, a mesma cobiçada pelos tucanos, mas na chapa do PSD do atual prefeito. A questão, politicamente falando, seria, digamos, o oferecido “noivo”. Afe!