Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Acessibilidade

Curso de libras forma
400 pessoas por ano

26 JUN 12 - 13h:45DA REDAÇÃO

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) mantém na Escola Professor Arlindo Lima o curso de Libras (Língua Brasileira de Sinais). O público alvo é, prioritariamente, professores e demais profissionais da Rede Municipal de Ensino (Reme), familiares de pessoas com surdez, profissionais da saúde e de empresas que empregam pessoas com surdez e, por fim, havendo vagas, comunidade em geral. Cada turma de Libras atende cerca de 30 alunos, o que permite que a cada ano cerca de 400 pessoas participem do curso.

As aulas acontecem uma vez por semana com opção de turmas de segunda à sexta-feira, das 18h às 20h30min e aos sábados das 8 horas às 10h30min. Cada turma leva cerca de seis meses para concluir o curso de 80 horas/aula. O curso, que é oferecido gratuitamente, funciona com os estágios: básico I e II, intermediário e avançado e práticas de interpretação. No dia 4 de julho, cerca de 60 formandos de duas turmas do nível avançado recebem certificado que será entregue em solenidade no Espaço de Formação Lúdio Martins Coelho, na Semed. Nessa ocasião, os cursistas formandos apresentarão músicas interpretadas na Língua Brasileira de Sinais.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Enfrentando fenômeno natural, Lagoa Itatiaia recebe serviço de limpeza
CAMPO GRANDE

Enfrentando evaporação, lagoa recebe limpeza

Prefeitura suspende coleta e lixo se acumula na Estrada-Parque
CORUMBÁ

Prefeitura suspende coleta e lixo se acumula na Estrada-Parque

Frente fria chega a Mato Grosso do Sul no fim de semana
MUDANÇA NO TEMPO

Frente fria chega ao Estado
no fim de semana

Jogador do Flamengo sofre acidente em MS e pai dele morre
LEAGUE OF LEGENDS

Jogador do Flamengo sofre acidente em MS e pai dele morre

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião