DESABASTECIMENTO

Crise dos combustíveis piora e já está faltando etanol no Estado

Crise dos combustíveis piora e já está faltando etanol no Estado
26/07/2012 00:02 - ADRIANA MOLINA E VINÍCIUS SQUINELO


Depois da gasolina, agora é a vez do etanol rarear nos postos de combustíveis do Estado. Com problemas de logística, a distribuidora BR Petrobras não está conseguindo abastecer Mato Grosso do Sul, onde controla 70% dos 560 estabelecimentos de comércio do produto.

As situações mais graves são encontradas nas cidades do interior. Corumbá, Dourados Sidrolândia, Maracaju, entre outros municípios, estão esperando até três dias para conseguir reabastecer as bombas.

“E mesmo assim, na maioria das vezes, não enchem o caminhão. Estão dando só meia carga”, conta o motorista Constantino de Carvalho, que veio na sexta-feira, conseguiu gasolina na terça e, ontem, já estava novamente em frente à distribuidora, esperando mais combustível. “A gente faz bate e volta, porque os postos estão vazios lá”, conta o caminhoneiro de Corumbá.

Leia mais no jornal Correio do Estado
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".