Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Criminosos abrem fogo e ferem sete manifestantes em Bancoc

11 JAN 14 - 11h:45FOLHAPRESS

Pelo menos sete pessoas ficaram feridas na noite de ontem quando um grupo abriu fogo contra um local onde manifestantes antigoverno estavam acampados havia várias semanas, em Bancoc. Segundo o grupo estatal de comunicação MCOT, os manifestantes se preparam para interromper totalmente todo o trânsito de Bancoc a partir de segunda-feira, com o objetivo de forçar a renúncia do governo e evitar as eleições de 2 de fevereiro próximo.
Com a nova série de protestos, que já dura mais de dois meses, a Anistia Internacional pediu "moderação" e respeito aos direitos humanos para governo e manifestantes. "A situação na Tailândia é tensa, volátil e imprevisível. Há um risco real de que haja mortos e feridos a menos que os direitos humanos sejam completamente respeitados", afirmou num comunicado a subdiretora da AI na Ásia Pacífico, Isabelle Arradon. "As forças de segurança devem garantir o exercício do direito de manifestação pacífica. Mas também têm o dever de zelar pela segurança pública."

O Ministério das Relações Exteriores informou que, ao todo, 45 países emitiram alertas de viagem para a Tailândia, entre eles os EUA, cuja embaixada recomendou aos americanos residentes no país asiático que acumulem em casa dinheiro e mantimentos suficientes para duas semanas. O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, também pediu "contenção" a todas as partes e alertou sobre o risco de uma escalada das tensões nos próximos dias. Nas últimas semanas, ao menos oito pessoas morreram nos protestos contra o governo da primeira-ministra, Yingluck Shinawatra, que foi forçada a dissolver o Parlamento e convocar eleições antecipadas em dezembro.

Os manifestantes rejeitam o pleito e exigem que, antes, seja formado um conselho para reformar o sistema político do país, que consideram corrupto e a serviço do ex-premiê Thaksin Shinawatra, irmão de Yingluck. Thaksin, deposto em um golpe militar em 2006, ganhou todas as eleições desde 2001. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Funkeiro MC Sapão morre de pneumonia aos 40 anos
RIO DE JANEIRO

Funkeiro MC Sapão morre de pneumonia aos 40 anos

INVESTIMENTO CULTURA

Ancine suspende futuros repasses para o setor audiovisual

Este ano 4 filmes brasileiros foram indicados em Cannes
FLÁVIO BOLSONARO

PL livra de punição agente que neutralizar quem portar fuzil

Proposta amplia ainda mais conceito de legítima defesa
LIBERDADE DE IMPRENSA

Jornalista morre após ser baleada em confronto na Irlanda do Norte

Mais Lidas