Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

''Corrente da inadimplência'' já atinge as grandes empresas

13 ABR 09 - 09h:50
     

        

 

O avanço da inadimplência do consumidor começa a provocar um efeito cascata na economia nacional e já chega às grandes empresas. Se, até o momento, eram as empresas pequenas e médias que vinham apresentando maiores dificuldades para honrar seus pagamentos, agora as grandes também começam a enfrentar esse problema e estão tendo de fazer uma verdadeira "ginástica financeira". A alternativa adotada tem sido negociar prazos, cortar funcionários e investimentos ou eleger contas prioritárias para pagamento - o que tem elevado as estatísticas de inadimplência entre empresas. Só em fevereiro, a alta foi de 20,6% em relação ao mesmo mês do ano passado, de acordo com dados da empresa de análise de crédito Serasa Experian.

 

No setor têxtil, essa "corrente do calote" já é perceptível. Pequenos varejistas ou sacoleiros com dificuldades em receber de seus clientes pessoas físicas pedem mais prazo a fornecedores - como os fabricantes de roupas -, que, por sua vez, têm de renegociar suas dívidas com seus próprios fornecedores, as grandes tecelagens.

 

Com informações do Estadão

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Malafaia diz que atribuir vitória de Bolsonaro a Olavo é 'simplesmente ridículo'

BRASIL

Brasil e EUA assinam acordo que permite uso comercial de Alcântara

BRASIL

Witzel anuncia rompimento de contrato de concessão do Maracanã

PDV deve priorizar servidor com menos tempo de serviço
DEMISSÃO VOLUNTÁRIA

PDV deve priorizar servidor com menos tempo de serviço

Mais Lidas