Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Corpo de estudante brasileiro será cremado na Nova Zelândia

Corpo de estudante brasileiro será cremado na Nova Zelândia
21/08/2012 13:00 - agência brasil


A família do estudante brasileiro João Felipe Martins de Melo, de 17 anos, decidiu que a cerimônia de cremação do corpo dele ocorrerá no próximo sábado (25) em New Plymouth, na Nova Zelândia. Para os parentes de Melo, a despedida deve ocorrer na cidade pela qual ele disse ter se apaixonado ao fazer intercâmbio estudantil desde o ano passado. O estudante morreu ao cair no mar durante um passeio no Parque de Paritutu.

O acidente ocorreu no dia 8 deste mês, mas apenas no domingo (19) o corpo do estudante foi localizado. Mais duas pessoas estão desaparecidas. Em nota, a Embaixada do Brasil na Nova Zelândia convida a comunidade brasileira no país para a cerimônia em memória do estudante. No texto, a embaixada lamenta a morte e informa que a cerimônia ocorrerá na Spotswood College, em New Plymouth, no dia 25 às 13h, colégio em que Melo estudava.

O estudante fazia intercâmbio na Nova Zelândia há um ano e a família dele mora no Ceará. Melo e um estudante neozelandês escalavam a Pedra de Paritutu quando caíram, um instrutor que os guiava pulou no mar para tentar salvá-los.

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!