Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sexta, 15 de fevereiro de 2019 - 23h13min

OLHO NA LIDERANÇA

Corinthians quer evitar novo vexame hoje no Pacaembu

20 MAR 11 - 08h:45ESTADÃO

A perda da invencibilidade no Campeonato Paulista diante da Ponte Preta (1 a 0), há duas rodadas, em pleno Pacaembu, custou a liderança ao Corinthians. E trouxe, como lição, que é preciso respeito e seriedade diante de todos os adversários, grandes ou não. Num discurso sincronizado, seguido à risca por todos do elenco durante a semana, a promessa é de um time ligado hoje, sem soberba, às 15 horas (horário de MS), contra o Americana, para evitar novo vexame, diante de sua torcida.

 

Com a reta final se aproximando, defender a segunda colocação e brigar pela ponta é questão de honra para uma equipe sem outras obrigações após queda precoce na Libertadores. O Corinthians não pretende decidir, nos mata-matas, fora de casa. Para isso, o topo da tabela se faz necessário.

Tite escala o que tem de melhor para não dar sobrevida a um adversário em queda livre na tabela após brigar até pela liderança nas rodadas iniciais. Alessandro, Chicão e Liedson estão de volta após lesões ou dores musculares. No meio, Bruno César será mantido com a suspensão de Jorge Henrique, em tese, o único titular ausente.

"Um jogo difícil, importante também. No último em casa não apresentamos um bom futebol. A Ponte Preta veio fechada, marcando bem e apostando no contra-ataque, no qual acabou ganhando ao dar apenas um chute a gol. Agora, precisamos ter a sabedoria de que o Americana pode tentar fazer o mesmo e não ser surpreendido outra vez", enfatiza o zagueiro Chicão. "Temos de ter todo o respeito, mesmo jogando diante do nosso torcedor. Eles têm qualidade e nos conhecem bem. Futebol é decidido no campo e não é porque somos favoritos que venceremos."

Respeitar não significa ficar atrás, vendo o adversário mandar no jogo. Quem for ao Pacaembu hoje verá um Corinthians agressivo, disposto a marcar gols o mais rápido possível, com objetividade e sem frescuras. Esta é a maneira que Tite avalia ser a correta para uma equipe de ponta que luta pelo topo e espera estar na disputa do título.

"Não podemos, de maneira alguma, desrespeitar o Americana. Mas, diante do nosso torcedor, vamos fazer um bom jogo", promete o volante Ralf. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

TRAGÉDIA

Funcionários da Vale são presos por rompimento de barragem de Brumadinho

BRASIL

União pagou R$ 565 milhões em dívidas atrasadas de estados em janeiro

TRAGÉDIA

Procuradoria defende júri popular para acusados por tragédia em Boate Kiss

TRAGÉDIA

Justiça determina que Vale retire animais das áreas de risco em Barão de Cocais

Mais Lidas