Segunda, 19 de Fevereiro de 2018

Libertadores

Corinthians pega o Tolima para evitar vexame

2 FEV 2011Por Gazeta Esportiva16h:35

Jamais um clube brasileiro foi eliminado na pré-Libertadores. Para não ser o primeiro e evitar um vexame histórico, o Corinthians precisa de um empate com gols ou da vitória contra o colombiano Tolima, às 22 horas (de Brasília) desta quarta-feira, na cidade de Ibagué. O jogo de ida terminou com igualdade de 0 a 0 no Pacaembu.

"Não vou mentir: tenho medo da eliminação", confessou o lateral esquerdo Roberto Carlos, um dos jogadores mais assediados pelos colombianos, um dia antes de ser vetado por causa de uma lesão na coxa direita. Ele só perde em badalação para o amigo Ronaldo, chamado constantemente de "gordinho" pelos jogadores do Tolima e pela imprensa local.

Apesar de enfrentar ironias pela sua forma física, Ronaldo também inspirou alguns elogios dos adversários. O atacante, que logo ganhará a concorrência do recém-contratado Liedson no Corinthians, demonstra entusiasmo para calar as críticas e enfim marcar seu primeiro gol em 2011, o último ano da carreira. Ele atualizou constantemente o seu Twitter desde que chegou a Ibagué, interagiu com torcedores e mostrou respeito pelo Tolima.

Tite parece bem mais preocupado com a partida decisiva. A diretoria evitou pressioná-lo nesta semana, mas ele sabe que um bom resultado é crucial para garantir o seu emprego. Invicto desde que retornou ao Parque São Jorge, o técnico já não goza mais do mesmo prestígio depois de quatro empates consecutivos, com Bragantino, Noroeste, Tolima e São Bernardo.

Para reverter o mau momento do Corinthians, Tite mudou a equipe que entrará em campo na Colômbia. O armador Bruno César perdeu espaço dias após Ronaldo reclamar de "certo egoísmo" de seus companheiros e dará lugar ao versátil Paulinho. Já Fábio Santos ficou com a vaga aberta por Roberto Carlos na lateral esquerda.

O Tolima também deverá alterar a sua formação. Depois de se defender bastante no Pacaembu e comemorar o feito de não ter sofrido gol, a equipe colombiana estuda abdicar do esquema tático com um atacante isolado para dar suporte ofensivo ao irreverente Wilder Medina. Danny Santoya e Pablo Giménez são candidatos a jogar.

"Como estamos jogando em casa, precisamos buscar mais o ataque. Respeitamos o Corinthians, mas vamos atrás da vitória. Será uma partida complicada, apesar de termos dado um passo importante no primeiro jogo", comentou o meio-campista Rafael Castillo. Para os corintianos, por outro lado, o fato de o Tolima se expor mais abrirá espaços para Ronaldo e seus companheiros.

O vencedor do mata-mata entre Corinthians e Tolima terá mais dificuldades na fase de grupos da Copa Libertadores da América. Ingressará no grupo 7, considerado um dos mais difíceis da competição, com Cruzeiro, Estudiantes, da Argentina, e Guaraní, do Paraguai.

FICHA TÉCNICA
TOLIMA-COL X CORINTHIANS-BRA

Local: Estádio Manuel Murillo Toro, em Ibagué (Colômbia)
Data: 2 de fevereiro de 2011, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Roberto Silvera (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinosa e Carlos Changala (ambos do Uruguai)

TOLIMA-COL: Antony Silva; Gerardo Vallejo, Yair Arrechea, Julián Hurtado e Félix Noguera; Gustavo Bolívar, Diego Chará, Rafael Castillo e Elkin Murillo; Wilder Medina e Danny Santoya (Pablo Giménez)
Técnico: Hernán Torres

CORINTHIANS-BRA: Julio Cesar; Alessandro, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Jucilei, Paulinho e Jorge Henrique; Dentinho e Ronaldo
Técnico: Tite
 

Leia Também