terça, 17 de julho de 2018

CAMPEONATO BRASILEIRO

Corinthians empata com o Goiás e vê o Flu campeão

5 DEZ 2010Por 19h:10

O Corinthians não fez sua parte, no Serra Dourada, para ser o campeão de 2010 do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro empatou por 1 a 1 com o já rebaixado Goiáso, neste domingo, e viu o título o ficar com o Fluminense, que cumpriu seu papel e derrotou o Guarani, no Engenhão.

Apesar de entrar em campo com uma equipe reserva e já rebaixada para a segunda divisão da competição nacional, o Goiás foi quem abriu o placar, com Felipe Amorim, aos 19 minutos do primeiro tempo. Dentinho empatou para o Corinthians dez minutos mais tarde, mas foi só.

O resultado não poderia ter sido pior para o time do Parque São Jorge. Se ainda tinha esperança de levar o quinto título brasileiro, encerra em terceiro lugar, atrás do Cruzeiro, que venceu o Palmeiras, e disputará a repescagem da Copa Libertadores no ano que vem.

O jogo

A primeira boa chance foi a favor do Corinthians e saiu em cobrança de falta levantada pelo meia Bruno César da ponta direita. Roberto Carlos recebeu no bico esquerdo da grande área e pegou de primeira, mas Fábio saiu socando a bola e afastando o perigo.

Depois, Elias avançou com a bola dominada pela faixa central do campo, tabelou com Ronaldo e, de frente para a área, chutou forte por cima da meta de Fábio. O Goiás respondeu aos nove minutos, quando Felipe Amorim chegou pelo lado esquerdo do ataque e chutou para fora.

O duelo seguiu movimentado, e a equipe da casa foi premiada com uma falha da defesa alvinegra. Pressionado pela marcação, Roberto Carlos recuou mal para Julio Cesar, que chutou sem muita força. Felipe Amorim pegou a bola e, com o gol livre, tocou rasteiro para marcar.

O gol inicialmente assustou o Corinthians, que passou a se precipitar em algumas jogadas. Mas o time paulista foi se acertando e, aos 29 minutos, chegou ao empate: Elias atrasou para Dentinho na marca do pênalti, o atacante chutou firme no canto direito e igualou o marcador.

Seus dois concorrentes ao título, Fluminense e Cruzeiro, empatavam sem gols - situação que levaria o troféu ao Parque São Jorge em caso de vitória do Corinthians. Os jogadores então foram para cima, e Elias perdeu um gol de frente para Fábio, ao chutar cruzado para fora.

No meio tempo entre o gol de empate anotado por Dentinho e o intervalo, o técnico Tite sofreu uma importante baixa no sistema defensivo. O zagueiro Chicão caiu no gramado acusando dores musculares, a oito minutos do fim do primeiro tempo, e foi substituído por Leandro Castán.

O Corinthians voltou para a etapa final sem a mesma aceleração do final do primeiro tempo. Tite sacou o volante Ralf para a entrada de Jorge Henrique e, mais tarde, resolveu arriscar colocando Danilo no lugar de Bruno César. Não funcionou: os visitantes pouco criaram.

Os últimos 45 minutos de partida em Goiânia foram, portanto, mais agradáveis para os donos da casa. Em especial pelas jogadas de perigo de Éverton Santos. Ao Corinthians, restou torcer por uma derrota do líder Fluminense diante do Guarani, no Engenhão, o que não aconteceu. 

Leia Também