Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DOCUMENTÁRIO

Coprodução brasileira perde o Oscar

Coprodução brasileira perde o Oscar
28/02/2011 00:01 - FOLHA ONLINE


"Trabalho Interno", de Charles Ferguson e Audrey Marrs, ficou com o Oscar de documentário.

O filme trata da crise financeira mundial.

"Lixo Extraordinário", coproduzido pelo Brasil e que mostra o trabalho do artista Vik Muniz no aterro de Gramacho (RJ), ficou, assim, sem o único prêmio a que concorria.

Entre os indicados, estavam ainda "Exit through the Gift Shop", "Gasland" e "Restrepo".

O prêmio foi entregue pela apresentadora norte-americana Oprah Winfrey.

Antes da entrega do prêmio, os apresentadores Anne Hathaway e James Franco brincaram com filmes das franquias "Harry Potter" e "Crepúsculo".

Felpuda


Engana-se quem acha que diminuiu a voracidade de ter fatia de cobiçado bolo por parte de “quem manda”. O recuo realmente houve, mas só por enquanto e por uma questão de estratégia, até porque, nas primeiras investidas, as portas não se abriram. E continuam fechadas. Mas quem conhece bem a dita figurinha aposta que ela não desistirá até encontrar, digamos,  um “chaveiro amigo”. Essa gente não sossega nem diante da pandemia... Afe!