Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Copa 2014 tem quatro obras atrasadas

4 MAI 10 - 07h:57
São Paulo

O prazo para início das obras dos 12 estádios da Copa do Mundo de 2014 terminou ontem, mas quatro das doze subsedes nem sequer concluíram o processo licitatório para a construção ou reforma das arenas. As subsedes que não obedeceram à data estipulada pela Fifa são Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Fortaleza (CE) e Natal (RN).
O Maracanã já conta com cronograma e orçamento estabelecidos, porém ainda discute com a Fifa o projeto ideal para o estádio.
No Distrito Federal, o escândalo de corrupção que derrubou o ex-governador José Roberto Arruda atrasou a conclusão do processo. As propostas nem sequer foram analisadas, e a assinatura do contrato deve acontecer, na melhor das hipóteses, no fim de maio.
No Nordeste, Fortaleza prevê o anúncio dos vencedores da licitação no dia 10. Por seu turno, a situação mais crítica é a de Natal, onde o edital nem sequer foi publicado.
Das 12 cidades, somente quatro começaram as obras. Belo Horizonte, Cuiabá, Manaus e Salvador são as mais adiantadas. São Paulo, Porto Alegre e Curitiba também fizeram alterações nos estádios, mas não iniciaram os principais pontos das reformas. Amanhã a Confederação Brasileira de Futebol começa uma vistoria às obras das subsedes. São Paulo é a primeira da lista.
Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Já campeão, Brasil atropela Itália e termina invicto campanha no Japão
VOLÊI

Já campeão, Brasil atropela Itália e termina invicto

Dois são absolvidos de processo que envolve Puccinelli e Amorim
JUSTIÇA FEDERAL

Dois são absolvidos de processo que envolve André

No elenco de "A Dona do Pedaço", Lucy Ramos vibra com virada da personagem na trama
TELEVISÃO

No elenco de "A Dona do Pedaço", Lucy Ramos vibra com virada da personagem na trama

Balança comercial tem saldo <br>de US$ 2,2 bilhões no ano
MATO GROSSO DO SUL

Balança comercial tem saldo de US$ 2,2 bilhões no ano

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião