Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sábado, 23 de fevereiro de 2019 - 05h55min

Pedro Chaves dos Santos Filho - Diretor-pres

Contratos da Santa Casa precisam ser revistos

14 FEV 10 - 04h:52
Depois de trabalhar por cerca de 30 anos na administração de uma universidade, o economista Pedro Chaves dos Santos Filho assumiu há oito meses o cargo de diretor-presidente da Santa Casa, maior hospital de Mato Grosso do Sul. Ele garante que, apesar de algumas especulações de que iria deixar o cargo, vai permanecer na função focado em promover uma gestão profissional e humanizada. Entretanto, os desafios esbarram ainda na dependência dos recursos que precisam ser viabilizados pelo Poder Público (Prefeitura de Campo Grande e Governo do Estado).

Os repasses do Sistema Único de Saúde (SUS), que correspondem a 85% dos atendimentos do hospital, apresentam-se defasados e deixam déficit mensal que precisa ser suprido com este apoio.

Outro ponto crucial refere-se aos contratos com as empresas terceirizadas. Os valores não condizem com a realidade e precisam ser revistos. No entanto, Chaves não vê alternativa para rompê-los porque o hospital ainda não conta com equipamentos necessários e depende da estrutura destas empresas.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Deputados militares defendem diferenciação na Previdência
REFORMA

Deputados militares defendem diferenciação na Previdência

Modernização do trânsito deve custar R$ 42 mi em quatro anos
ATÉ 2020

Trânsito da Capital terá R$ 42 milhões

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial deste sábado/domingo: "Cidade em movimento"

ARTIGO

Venildo Trevisan: "Maneira de amar"

Frei

Mais Lidas