Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

fuga

Consulado faz operação para a retirada de brasileiros no Japão

15 MAR 11 - 17h:12Idest

O empresário brasileiro Walter Saito está trabalhando na primeira retirada de brasileiros da área mais afetada no Japão, atingido por forte terremoto e tsunami na semana passada. São dois ônibus, com 28 lugares cada um, que saíram da cidade de Saitama hoje, terça-feira (15), em direção a Fukushima e Sendai.

Um caminhão carregado de água e comida também faz parte da operação, que é a primeira de resgate aos brasileiros na região. A retirada é coordenada e paga pelo consulado do Brasil em Tóquio, mas está sendo executada por um empresário radicado há vinte anos no Japão e que possui 54 apartamentos em Saitama, onde ficarão os brasileiros resgatados na operação.

Walter Saito disse, por telefone, que o consulado pediu urgência na retirada por causa dos vazamentos de radiação em Fukushima. A embaixada do Brasil no Japão não sabe quantos brasileiros moram na área mais afetada, nem quantos decidiram retornar ao Brasil, mas informou que para conseguir uma passagem de volta a espera é de sete a dez dias.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Tarcísio, ministro da Infraestrutura, vira queridinho de Jair Bolsonaro

BRASIL

Em resposta a Bolsonaro, Maia diz que presidente é quem agride nas redes sociais

Júri condena dois acusados de atacar judeus em 2005 em Porto Alegre
BRASIL

Júri condena dois acusados de atacar judeus em 2005 em Porto Alegre

BRASIL

Brumadinho: sobe para 212 o número de mortos identificados em tragédia

Mais Lidas