quarta, 18 de julho de 2018

2011

Construtoras querem erguer mais de 13,4 mil unidades habitacionais em MS

11 FEV 2011Por ROSANA SIQUEIRA14h:35

 Após fechar 2010 com 14.539 unidades habitacionais financiadas no valor de R$ 1,004 bilhão, a Caixa analisa a produção de mais 13.494 moradias em Mato Grosso do Sul. As propostas são de construtoras e prevêem 2.100 unidades para famílias com renda de até 3 salários mínimos, 11.274 unidades para famílias com renda de 3 a 10 salários mínimos e 120 para famílias com renda superior a 10 salários mínimos, ultrapassando R$ 1,05 bilhões.

Segundo balanço divulgado hoje pela superintendência da Caixa, as linhas de crédito com recursos do FGTS alcançaram mais de R$ 643,2 milhões, com 10.377 contratações em 2010. Para as operações do SBPE, o volume foi de R$ 361,5 milhões, beneficiando 4.162 famílias.

Brasil

Com volume de concessão de crédito recorde, que superou R$ 194 bilhões, a Caixa Econômica Federal alcançou lucro líquido de R$ 3,8 bilhões, em 2010, o que representa crescimento de 25,5% em relação ao ano anterior. O patrimônio líquido de R$ 15,4 bilhões teve evolução de 17,4%, quando comparado ao ano anterior, e o retorno sobre o patrimônio líquido médio foi de 26,3%. Os valores dos repasses com tributos e encargos sociais à União, estados e municípios, juntamente com juros sobre capital próprio, somaram R$ 4,3 bilhões no ano.

Em habitação, a Caixa continua batendo recordes, com contratações de R$ 77,8 bilhões em crédito, incluindo arrendamentos e repasses, superando em 57,2% o número de 2009. No Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), a Caixa superou o desafio de financiar um milhão de moradias, reafirmando o seu potencial como agente de transformação para a sociedade.

A Caixa superou o número de 40 milhões de contas de poupança e acolhe mais de R$ 129 bilhões em depósitos. A captação líquida, no ano, foi de R$ 13,2 bilhões, mantendo-se líder no segmento, com participação de 34,2% do mercado.

Para a presidenta, Maria Fernanda Ramos Coelho, “os resultados apresentados pela Caixa em 2010 ressaltam o papel essencial da empresa como banco público socialmente responsável, apoiando decisivamente as ações do Governo Federal voltadas às políticas públicas e ao crescimento econômico do país”.

(com assessoria de imprensa da Caixa)

Leia Também