Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

Abac

Consórcios de veículos têm alta de 11% no 1º bimestre

18 ABR 2011Por G116h:00

A procura de consórcios para a compra de veículos (automóveis, comerciais leves, caminhões e motocicletas) aumentou 11,4% no primeiro bimestre deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac) nesta segunda-feira (18), as vendas de novas cotas somaram 291,4 mil participantes no período, contra os 261,6 mil que aderiram ao sistema entre janeiro e fevereiro do ano passado.

Com o crescimento, o número total de participantes somava em fevereiro 3,42 milhões, aumento de 8,2% sobre os 3,16 milhões registrados no mesmo mês de 2010.

Em relação às contemplações — consorciados que tiveram a oportunidade de comprar bens—, elas somam 149,7 mil no primeiro bimestre deste ano. Segundo a Abac, a alta é de 6,3% ao comparar com as 140,8 mil contemplações realizadas no mesmo período do ano passado.
Ainda segundo a entidade, entre 2006 e 2010, a classe C aumentou sua participação nos consórcios para veículos em 158,3%. No setor de duas rodas, o crescimento foi 153,6%.

Setor de veículos tem crescimento em novas cotas
 

Por segmentos do setor, o de automóveis e comerciais leves teve um o aumento de 14,6% no número de participantes em fevereiro deste ano. No entanto, o crescimento mais expressivo dessa fatia do mercado foi no número de vendas de novas cotas, que no primeiro bimestre deste ano foi de 25,9% em relação aos dois primeiros meses de 2010. A média dos valores dos bens procurados pelos consumidores que optam por essa forma de negócio aumentou de R$ 37,5 mil em fevereiro de 2010 para R$ 39,5 mil no mesmo mês deste ano (crescimento de 13,8% no ticket médio).

Setor duas rodas ganha em adesões


No mercado sobre duas rodas os números também foram positivos em fevereiro deste ano. Houve um crescimento de 4,9% no número de novas adesões, que passou de 2,02 milhões em fevereiro de 2010 para 2,12 milhões no mesmo mês deste ano. O ticket médio das motos compradas por consórcio apresentou uma retração de 11,9%. Em fevereiro deste ano, o valor médio era R$ 9,6 mil, enquanto no mesmo período do ano passado era de R$ 10,9 mil.

Cotas para veículos pesados crescem 70%


Mesmo com um crescimento relativamente pequeno no número total de consorciados em fevereiro deste ano (4,3%), o primeiro bimestre de 2011 apresentou um aumento de 69,2% no número de novos consorciados em relação ao mesmo período do ano passado. O valor médio dos caminhões comprados por meio de consórcio passou de R$ 144,7 mil em fevereiro de 2010 para R$ 148,6 mil no mesmo mês deste ano, o que representa um incremento de 2,7%.
 

Leia Também