Sexta, 15 de Dezembro de 2017

Confrontos no aniversário da revolução egípcia registram 4 mortes

25 JAN 2014Por Folhapress14h:00

Pelo menos quatro pessoas morreram e 15 ficaram feridas hoje em confrontos durante o terceiro aniversário da revolução de 25 de janeiro que derrubou o então presidente Hosni Mubarak, em 2011, no Egito, informou o Ministério de Saúde egípcio.

Segundo um comunicado do departamento, as mortes ocorreram no Cairo, na província vizinha de Guiza e na de Minia, no sul do país.

Na capital, a polícia usou bombas de gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes seguidores do presidente deposto Mohamed Mursi e outros ativistas antigovernamentais. 

Leia Também