Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Confrontos no aniversário da revolução egípcia registram 4 mortes

Confrontos no aniversário da revolução egípcia registram 4 mortes
25/01/2014 14:00 - Folhapress


Pelo menos quatro pessoas morreram e 15 ficaram feridas hoje em confrontos durante o terceiro aniversário da revolução de 25 de janeiro que derrubou o então presidente Hosni Mubarak, em 2011, no Egito, informou o Ministério de Saúde egípcio.

Segundo um comunicado do departamento, as mortes ocorreram no Cairo, na província vizinha de Guiza e na de Minia, no sul do país.

Na capital, a polícia usou bombas de gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes seguidores do presidente deposto Mohamed Mursi e outros ativistas antigovernamentais. 

Felpuda


Vêm aumentando que só os disparos de segmentos diversos contra cabecinha coroada que, até então, acreditava voar em céu de brigadeiro. O novo coronavírus chegou, ganhou espaço, continua avançando e atualmente tem sido o melhor cabo eleitoral dos adversários. A continuar assim, sem ações mais eficazes, o estrago político poderá ser grande. Observadores mais atentos têm dito que o momento não é de viver o conto da “Bela Adormecida”. Só!