Segunda, 11 de Dezembro de 2017

RODOVIAS

Concessões priorizam agropecuária

31 JAN 2014Por FOLHA PRESS14h:39

A nova rodada de concessões de rodovias que o governo lançou hoje vai priorizar o escoamento da safra agrícola do Centro-Oeste e a pecuária do Sul.

Das cinco rodovias que vão ser repassadas à iniciativa privada, que somam 2,6 mil km, quatro são usadas para essas finalidades. Os investimentos previstos nas estradas são estimados em R$ 17 bilhões ao longo da concessão, cujo prazo varia entre 20 e 30 anos.

O trecho de 976 km da BR-163 entre o Mato Grosso e o Pará que passará à iniciativa privada, com cobrança de pedágio, hoje ainda tem parte em estrada de terra e o governo já anuncia que ele será repassado à iniciativa privada.

Segundo o ministro dos Transportes, Cesar Borges, o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) vai terminar ainda este ano a obra para asfaltar todo o trecho que vai ser concedido.

A concessionária vencedora terá que duplicar toda a via em cinco anos. A estrada duplicada vai ligar Sinop (MT) até a cidade de Itaituba (PA) onde já está em operação um novo porto (Miritituba) para escoamento de grãos.  

A outra concessão será a da rodovia BR-364/060 entre Sinop (MT) e Goiânia (GO).  

Leia Também