Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Como tinha sido previsto, a “tropa de desaforo” do prefeito está...

17 JAN 14 - 00h:00Ester Figueiredo

Como tinha sido previsto, a “tropa de desaforo” do prefeito está calada, diante dos problemas que Campo Grande começa a enfrentar neste início de ano, como o aumento dos casos de dengue, ruas cheias de buracos, alagamentos, entre outros. Isto porque, além do fator climático, não podem culpar a administração passada. Parece que perderam “munição”.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

DETALHAMENTO

Petrobras muda divulgação do preço dos combustíveis alegando mais transparência

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta terça-feira: "Atuação cirúrgica"

ARTIGO

Fausto Matto Grosso: "Sociedade de risco"

Engenheiro, professor aposentado da UFMS
OPINIÃO

Olivia Garcia de Carvalho de Freitas: "Lugar de criança é na escola?"

Advogada

Mais Lidas