sexta, 20 de julho de 2018

Comissão notifica Artuzi e Cantor nesta sexta

29 OUT 2010Por Dourados Agora06h:00

O prefeito afastado de Dourados Ari Artuzi e o vice, também afastado, Carlinhos Cantor, serão notificados nesta sexta-feira, pelas comissões processantes da Câmara de Vereadores.

Após receberem o documento, Carlinhos e Artuzi terão um prazo de 10 dias para se defender das acusações. Ambos podem ser cassados pelas comissões. Artuzi e Carlinhos Cantor são acusados de quebra de decoro e dos princípios da moralidade e impessoalidade. A abertura do processo atende denúncias elaboradas por movimentos populares e Ordem dos advogados do Brasil (OAB). Todos têm como base os relatórios da polícia Federal nas Operações Uragano, Brothers e Owari.

De acordo com o vereador Laudir Munaretto, que preside a comissão que pode cassar Artuzi, a previsão é de que a comissão saia de Dourados por volta das 6h. O prefeito está em uma cela num presídio federal em Campo Grande. Segundo Laudir, o horário da entrega vai depender de quando o prefeito poderá receber o grupo.

Carlinhos Cantor está preso na Penitenciária de Segurança Máxima de Dourados, Harry Amorim Costa. De acordo com o vereador Pedro Pepa, ontem a CP terminou os trabalhos burocráticos, na montagem do processo de acusação e pretende entregar o relatório a Cantor pela manhã.

MAIS CP

Uma outra Comissão Processante pode cassar o prefeito Ari Artuzi por má gestão da Saúde pública. Uma “avalanche” de denúncias foi produzida durante a CPI da Saúde e já foi disponibilizado aos advogados de Artuzi, que tem menos de 10 dias para elaborar a defesa. O relatório deverá ser remetido à Comissão Processante da Câmara, presidida pelo vereador Elias Ishy (PT).

Ele disse ao Douradosagora disse que Ari está sendo acusado de desvio de dinheiro público, o que teria gerado caos no sistema de atendimento a população, causando mortes e deficiência nos serviços prestados. A denúncia tem como base depoimentos colhidos e auditorias na pasta. Uma verdadeira devassa nos contratos foi realizada.

 

Leia Também