terça, 17 de julho de 2018

RESULTADO POSITIVO

Comércio registra alta de 10,38% em vendas durante 24 dias de dezembro

27 DEZ 2010Por DA REDAÇÃO10h:34

Campo Grande registrou alta de 10,38% nas vendas realizadas pelo comércio entre os dias 1º e 24 de dezembro comparando o volume com o do mesmo período do ano passado. Os dados são 1da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG) e foram divulgados na manhã de hoje pelo Departamento de Estatísticas. Conforme informado, o percentual supera o comportamento histórico do comércio, que é um crescimento de dois pontos percentuais acime do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB). O último relatório Focus , do Banco Central, datado de 17/12, estimou um crescimento de 7,61% para o PIB brasileiro.

As vendas natalinas deste ano na Capital tiveram como destaques os segmentos de calçados, vestuário, óculos, joias, bijouterias e cosméticos.

Os consumidores das classes C e D tiveram papel decisivo neste bem-sucedido Natal. Por conta do aumento da formalização da economia ao longo deste ano, muitos passaram a receber o 13º salário. De acordo com o economista Emilio Alfieri, do Instituto de Economia Gastão Vidigal (IEGV), da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), neste Natal, foram injetados na economia brasileira R$ 102 bilhões referentes ao pagamento do benefício. No ano passado, foram R$ 85 bilhões.

SHOPPINGS

Pesquisa aponta que o faturamento dos shoppings neste Natal cresceu 13% em relação à mesma data de 2009 e superou a expectativa inicial, que era de um acréscimo de 10%. O valor médio das compras também foi bem maior: variou entre R$ 80 e R$ 120 neste Natal, ante R$ 70 e R$ 110 no do ano passado. Os segmentos do varejo que tiveram os maiores acréscimos de vendas foram os de óculos, bijuterias e acessórios (18%), seguido pelo de perfumaria e cosméticos (17%), e eletrônicos e eletrodomésticos (17%).

O ano dos shoppings termina com alta de 12% de vendas.

Depois do melhor Natal da década e de um ano excepcional de vendas, o setor de shopping centers se prepara para dar um salto. Serão investidos R$ 6,331 bilhões até meados de 2013 para erguer 124 novos empreendimentos no País. Nos próximos dois anos e meio, a meta é inaugurar mais de 40 shoppings por ano, o dobro da média registrada desde 2005. E grande parte dos novos shoppings será localizada em cidades do interior.

Para Campo Grande está prevista inauguração de dois novos empreendimentos do setor em 2011: o Shopping Norte Sul e o Shopping 26 de Agosto

"Vamos ter um novo boom na indústria de shoppings", afirmou o presidente da Associação dos Lojistas de Shopping (Alshop), Nabil Sahyoun, comemorando o resultado de vendas do Natal, com base numa pesquisa feita com 150 empresas de varejo, que reúnem 6,3 mil lojas espalhadas pelo País.


 

Leia Também