Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EM 5 ANOS

Comércio mundial de armas aumenta 14%

Comércio mundial de armas aumenta 14%
17/03/2014 08:40 - agência brasil


O comércio mundial de armas convencionais aumentou cerca de 14% entre 2009 e 2013, em relação aos quatro anos anteriores, informou o Instituto Internacional de Estudos para a Paz, de Estocolmo, na Suécia. Os Estados Unidos continuam a liderar as exportações mundiais de armas,  para 90 países, enquanto a Índia é o país que mais importa, tendo duplicado as suas compras.

Os cinco principais exportadores – Estados Unidos, Rússia, Alemanha, China e França – são responsáveis por 74% das vendas mundiais de armas, sendo que os dois primeiros somam mais da metade, com 56%.

Tanto a Alemanha quanto a França reduziram as exportações em 24% e 30%, respectivamente, e as importações na Europa baixaram 25% em relação ao período 2004-2008. A China aumentou as vendas em 212%, sobretudo para os mercados do Paquistão, de Bangladesh e da Birmânia.

A tabela das importações é liderada pela Índia, seguindo-se a China e o Paquistão.

Felpuda


O desgaste de antigas lideranças nacionais, com reflexo em nível local, é a maior preocupação dos dirigentes de partidos para as eleições deste ano, que terá reflexo em 2022. Em épocas passadas, essas figurinhas cruzavam os céus do País para visitarem os municípios e pedirem que a população votasse em seus ungidos. Agora, com pendências judiciais e poder enfraquecido, dificilmente seriam convidadas. A pandemia, que resultou no isolamento social, foi a pá de cal.