Terça, 12 de Dezembro de 2017

coma artificial

Começa processo para acordar Schumacher

30 JAN 2014Por terra10h:45

 Médicos responsáveis pelo tratamento de Michael Schumacher vão começar a reduzir o nível de sedação para dar início ao processo para acordar o heptacampeão de Fórmula 1, disse a agente do ex-piloto nesta quinta-feira.

Schumacher tem sido mantido em coma artificial em um hospital da cidade de Grenoble, no leste da França, há mais de quatro semanas, após sofrer um acidente no fim de dezembro, quando ele bateu a cabeça em um pedra enquanto esquiava fora da pista demarcada no resort de Meribel.

"A sedação de Michael está sendo reduzida para que se possa começar o processo de acordá-lo, o que pode levar um longo tempo", disse a agente de Schumacher, Sabine Kehm, em comunicado.

Leia Também