sexta, 20 de julho de 2018

Com nova regra, situação ficará mais crítica

7 OUT 2010Por 02h:49

A já problemática situação de filas e demora para vistoria veicular no pátio do Detran deve se agravar no fim do ano que vem, quando Mato Grosso do Sul terá que implantar a inspeção ambiental veicular, vistoriando também a emissão de poluentes e de ruídos produzidos por motos, carros, caminhões e ônibus.
O procedimento, que passa a ser obrigatório para a concessão de licenciamento do veículo, foi estabelecido pela Resolução nº 418 do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama), de 25 de novembro de 2009, que dispõe sobre critérios para a elaboração de Planos de Controle de Poluição Veicular e implantação de Programas de Inspeção e Manutenção de Veículos em Uso pelos órgãos estaduais e municipais de meio ambiente, além de determinar novos limites de emissão e procedimentos para a avaliação do estado de manutenção de veículos em uso. O estudo para implantação do plano de Controle de Poluição Veicular no Estado, que irá nortear os procedimentos, está a cargo do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul). (DA)

Leia Também