Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 18 de novembro de 2018

NO AFLITOS

Com golaço de Martinez no fim, Náutico bate Bahia

18 AGO 2012Por terra19h:47

Em um jogo com muitos passes errados, poucas finalizações e sem perigo, Náutico e Bahia encaminhavam para um chato empate sem gols. Mas com um golaço de Martinez aos 42min do segundo tempo, a equipe pernambucana derrotou o adversário por 1 a 0, na noite deste sábado, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio dos Aflitos.

A equipe alvirrubra aproveita a sequência de jogos em Recife e alcança a segunda vitória consecutiva. O Náutico ganha duas posição na tabela de classificação de forma provisória e assume o 10º lugar com 23 pontos. E o último desafio dos comandados do técnico Alexandre Gallo no turno do Campeonato Brasileiro será o clássico pernambucano contra o Bahia.

Com a derrota, o Bahia permanece na zona de rebaixamento com 16 pontos na 17ª posição. O Bahia encerra o primeiro turno da Série A no próximo domingo contra o Atlético-GO, às 18h30 (de Brasília), no Serra Dourada. Mas antes, tem a partida de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana contra o São Paulo, terça-feira, no Estádio do Morumbi. Na ida, a equipe baiana perdeu em pleno Pituaçu por 2 a 0.

O jogo
As duas equipes entraram em campo com o objetivo de jogo bem definido: enquanto o Náutico tomou a iniciativa da partida, o Bahia buscava aproveitar um contra-ataque para resolver o duelo. Porém, o primeiro tempo teve poucas chances de gols. Na primeira oportunidade, Douglas Santos cruzou para a área pelo lado esquerdo e Araújo cabeceou por cima do gol. Na sua proposta, o Bahia respondeu aos 25min. Gabriel recebeu lançamento nas costas da zaga e tocou muito mal na saída do goleiro Gideão.

Sem penetrar no toque de bola, a equipe pernambucana contou com jogada individual de Rhayner. Aos 30min, o meia-atacante, avançou pela direita, passou pela marcação e finalizou para o gol. O zagueiro Titi fez bem a cobertura e o chute saiu travado para defesa de Marcelo Lomba. Desta vez pela esquerda, o lateral Douglas Santos recebeu na esquerda, deu um chapéu no marcador e arrematou mascado para fora.

Para o segundo tempo, Caio Júnior substituiu o pendurado lateral esquerdo Hélder e colocou em campo Lulinha. Assim, Victor Lemos ficou responsável pelo setor. A alteração deu certo e o Bahia só não abriu o marcador nos Aflitos por ótimo defesa do goleiro Gideão. Aos 2min, Mancini cobrou falta da direita na área e Fahel subiu meio se jeito para desviar de cabeça. O arqueiro do Náutico demonstrou estar com o reflexo apurado e espalmou.
A equipe tricolor melhorou no segundo tempo e passou a ter a posse de bola, com os donos da casa apostando nos contra-ataques. E em uma boa escapada, Douglas Santos fez jogada pela meia esquerda e chutou cruzado para o meio da área, mas o zagueiro Titi conseguiu afastar, aos 11min. O técnico Alexandre Gallo também alterou a equipe e colocou os experientes Lúcio e Rico nos lugares de Rogerinho e Kim.

O ritmo voltou a cair e as duas equipes estiveram longe de acertar o gol adversário. E os donos da casa conseguiram responder apenas aos 33min. Victor Lemos tentou afastar e chutou em cima de Rhayner. A bola quase enganou Marcelo Lomba e saiu por cima do gol. E o jogo se encaminhava para um chato zero a zero quando Martinez arriscou de fora da área, acertou o ângulo e marcou um golaço, garantindo o triunfo do Náutico.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também