Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Com falha de Júlio César, Roma vence e encosta no líder

Com falha de Júlio César, Roma vence e encosta no líder
28/03/2010 00:57 -


Em duelo dos dois melhores da classificação e considerado uma “decisão”, a Roma comprovou sua excelente fase no Campeonato Italiano, derrotou a ainda líder Internazionale por 2 a 1, na capital italiana, e reduziu para apenas um ponto a vantagem da rival de Milão. O destaque negativo foi o goleiro Júlio César, que falhou no primeiro gol romano. Essa proximidade da Roma não é por acaso. São 21 jogos invictos na competição nacional. Com isso, a equipe dos brasileiros Júlio Sérgio, Doni, Juan, Júlio Baptista e Taddei subiu para 62 pontos (a Internazionale soma 63). O resultado acabou sendo bom também para o terceiro colocado Milan (59 pontos), que duela diante da Lazio, hoje, no estádio San Siro, e pode colar na ponta da tabela. Como já era esperado, o clássico na capital italiana começou nervoso. Muitas faltas, algumas até certo ponto violentas, e poucas oportunidades pelos dois lados. Apesar disso, a Roma saiu à frente do marcador. Aos 16 minutos, o goleiro Júlio César não conseguiu segurar a bola. Atento, De Rossi aproveitou o vacilo do brasileiro e tocou para os fundos da rede. Para o segundo tempo, a Inter adiantou sua marcação e passou a pressionar. Aos 3 minutos, Milito acertou o travessão. Quatro minutos mais tarde, o goleiro Júlio Sérgio fez uma excelente defesa em arremate de Sneijder. A pressão da Inter crescia. Até que aos 20min, Sneijder cruzou e encontrou Milito, que, atento, levou a melhor sobre a zaga e deixou tudo igual. A Roma manteve o ritmo. Aos 27min, o atacante Luca Toni recebeu livre na área e bateu forte, selando a vitória romana por 2 a 1.

Felpuda


Pré-candidato pode estar sendo “fritado” sem ao menos perceber. Redes sociais que têm estreitas ligações com ex-cabecinhas coroadas e que prometeram apoio estão enaltecendo que só certo pré-candidato de outro partido. Quem conhece as ditas figurinhas de, digamos, outros carnavais, acredita que está em curso operação sorrateira para mudar internamente os rumos da futura campanha. Trocando em miúdo: ceder a cabeça de chapa.