Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

FUTEBOL

Clubes aumentam receita em 14% e dívidas em 16%

7 MAI 2011Por infomoney10h:59

Corinthians-SP, Internacional-RS, São Paulo-SP, Palmeiras-SP e Flamengo-RJ são os clubes com maior receita total do Brasil em 2010. Os dados constam em análise das finanças dos clubes de futebol do Brasil em 2010, realizado pela empresa de consultoria BDO RCS, por meio de sua área Esporte Total. Os números têm como base as demonstrações contábeis publicadas pelos clubes.

Segundo a avaliação, em 2010, os 25 clubes com maiores receitas do Brasil tiveram receita consolidada de R$ 1,88 bilhão, que representa aumento de 14% em relação a 2009, quando as receitas totalizaram R$ 1,65 bilhão (mas em 2009, em função da falta de dados do Bahia, foram considerados 24 clubes).

O Corinthians-SP, que lidera o ranking, registrou receita total superior a R$ 212 milhões, um aumento de 17% com relação aos R$ 181 milhões de 2009. O Internacional-RS apresentou R$ 200 milhões em 2010, contra os R$ 176 milhões registrados em 2009, um aumento de 14%.

Em seguida vem o São Paulo-SP, com receita de R$ 195 milhões em 2010, 12% a mais que os R$ 174 milhões apresentados em 2009. O maior crescimento percentual foi apresentado pelo Palmeiras-SP, que tinha R$ 125 milhões em receita em 2009 e pulou para R$ 148 milhões em 2010 (19%). O Flamengo-RJ saiu de R$ 120 milhões em 2009 para 128 milhões em 2010.

Em seguida, na lista, aparecem Santos-SP, Grêmio-RS, Cruzeiro-MG, Atlético-MG, Vasco da Gama-RJ, Fluminense-RJ, Atlético-PR, Botafogo-RJ, Vitória-BA e Avaí-SC.

Endividados
Em 2010, os 25 clubes com maiores receitas do Brasil apresentaram endividamento consolidado de R$ 3,61 bilhões, aumento de 16% na comparação com 2009.

Quem lidera o indesejável ranking de dívidas é o Atlético-MG, que viu seu endividamento aumentar 6%, e passar de R$ 496 milhões em 2009 para R$ 527 milhões em 2010. Depois, vem o Botafogo-RJ, com R$ 378 milhões de dívidas em 2010, contra os R$ 317 milhões apresentados em 2009, acréscimo de 19%.

Vasco da Gama-RJ registrou endividamento de R$ 373 milhões em 2010 contra os R$ 327 milhões de 2009, aumento de 14%. Outros dois clubes cariocas completam a lista dos cinco primeiros: Fluminense, com dívida de R$ 368 milhões em 2010, aumento de 12% na comparação com R$ 329 milhões de 2009 e Flamengo, com R$ 342 milhões em 2010, crescimento de 11%.

Entre os dez primeiros clubes em endividamento, aparecem também Santos-SP, Palmeiras-SP, Grêmio-RS, Internacional-RS e Portuguesa de Desportos-SP. O Palmeiras-SP, aliás, apesar de ter aumentando suas receitas, viu sua dívida aumentar bem mais, passando de R$ 117 milhões em 2009 para R$ 169 milhões no último ano. O último da lista entre os 25 analisados é o Atlético-PR, com R$ 1,4 milhão em dívidas.

Superavit e deficit
Em 2010, os 25 clubes com maiores receitas do Brasil tiveram deficit acumulado de R$ 264 milhões, 2% a menos que em 2009. Em 2010, apenas quatro clubes apresentaram superavit: Atlético-PR, com R$ 6 milhões, Corinthians, com R$ 3,6 milhões, Cruzeiro, com R$ 1,3 milhão e São Paulo, com R$ 454 mil.
 

Leia Também