Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPEONATO ITALIANO

Clube recontrata técnico após 36 dias de demissão

Clube recontrata técnico após 36 dias de demissão
04/04/2011 16:06 - terra


Demitido pelo Palermo após a humilhante goleada por 7 a 0 contra a Udinese, pela 27ª rodada do Campeonato Italiano, o técnico Delio Rossi foi contratado novamente pela diretoria, logo depois do revés sofrido diante do arquirrival Catania, por 4 a 0, noo domingo.

O presidente do Palermo, Maurizio Zamparini entrou em contato com Serse Cosmi após a derrota para anunciar sua demissão. Atendendo às reivindicações dos torcedores que apoiavam o retorno de Rossi para o comando da equipe, acusado pelo próprio dirigente de ter destruído a equipe, o mandatário acertou mais uma vez a contratação do técnico.

"Cosmi cometeu erros primários e elementares. Nós já tínhamos brigado um dia antes, porque não entendi a exclusão de Pastore. Jogamos mal e deixamos uma má impressão. Foram cometidas decisões erradas. Sinto pelos nossos torcedores, sei o quanto era importante para eles o clássico", disse Zamparini.

Com contrato até o dia 30 de junho deste ano, Cosmi conquistou somente uma vitória desde que assumiu o comando do Palermo, diante do Milan, e sofreu três derrotas contra Lazio, Genoa e Catania. Outro treinador que não resistiu a uma derrota no Campeonato Italiano foi Pasquale Marino, demitido pelo Parma após a derrota por 2 a 1 contra o lanterna Bari.

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?