Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

CONAB

Clima derruba em 5% produção de grãos no Estado, aponta pesquisa

6 ABR 2011Por ROSANA SIQUEIRA11h:50

O clima adverso, principalmente por conta das intensas precipitações no Estado afetaram as contas finais da produtividade de grãos. Segundo o 7º levantamento da safra de grãos nacional, divulgado hoje pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção total na safra 2010/2011 em Mato Grosso do Sul deverá recuar 5%. Os dados apontam que pouco mais de 9 milhões de toneladas de grãos serão retirados dos campos, enquanto na safra passada o volume atingia 9,5 milhões de toneladas. A área total plantada nesta safra ficou um pouco maior que a anterior em 2,9 milhão de hectares.
Para a assistência técnica o clima adverso teria sido o principal causador no decréscimo da produtividade, principalmente da soja que teve redução de 7% da produção. Segundo o levantamento a soja deve render 4,928 milhões diante de 5,3 milhões da safra 09/10.
Apesar do uso de mais tecnologia nas lavouras, sementes mais avançadas a chuva derrubou a qualidade dos grãos de soja que ficaram literalmente abandonados nas lavouras, por falta de condições de entrada das máquinas na colheita.

Leia Também