Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

'QUERO SER UM MILIONÁRIO'

Cidadão cria site para ver se arrecada R$ 1 mi como Delúbio

Cidadão cria site para ver se arrecada R$ 1 mi como Delúbio
01/02/2014 15:17 - Exame


Impressionado com a rapidez com que o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares arrecadou o montante de R$ 1 milhão em campanha criada para ajudá-lo a pagar a multa imposta no processo do mensalão, um internauta identificado como Yuri Mostardeiro criou o site "Quero ser um milionário", que parodia a página “Solidariedade a Delúbio”.

A vaquinha criada pelos apoiadores do ex-tesoureiro conseguiu arrecadar, em apenas oito dias, exatamente R$ 1.013.657,26.

O valor é mais que o dobro do necessário e permitiu ao petista pagar a imposição judicial de R$ 466.888,90.

Superou, inclusive, o montante alcançado em campanha semelhante feita por José Genoino, ex-presidente da sigla e outro condenado, que levantou R$ 761.962 para o mesmo propósito.

Apesar do tom de brincadeira, “Quero ser um milionário” se define como um “protesto contra os pedidos de esmola de políticos”.

O site imita a aparência do “Solidariedade a Delúbio” e ironiza as mensagens atribuídas aos companheiros do petista.

Enquanto os apoiadores de Delúbio argumentam que ele “jamais amealhou patrimônio pessoal, vivendo modestamente e sofrendo toda sorte de perseguições”, na página de sátira, amigos de Yuri dizem que, “mesmo trabalhando diariamente e utilizando todo seu potencial, ainda assim não é possível para um cidadão comum chegar, nem de perto, ao poder aquisitivo de um político”.

O “Solidariedade a Delúbio” justifica a campanha original dizendo que o petista não poderia “efetuar o pagamento de absurda e pesada multa que lhe foi injustamente imposta”.

Já “Quero ser um Milionário” convoca amigos e companheiros a “conseguir guiar ao menos UMA pessoa para a linha milionária. Uma pessoa que não importa o quanto trabalhe, jamais chegará ao montante”, diz a página.

Mas o próprio Yuri Mostardeiro admite que sua popularidade não chega aos pés da do ex-tesoureiro do PT. No ar durante o mesmo período que o “Solidariedade a Delúbio”, “Quero ser um Milionário” conseguiu apenas R$ 19,74 em doações e pouco mais de 400 seguidores no Facebook.

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?