segunda, 23 de julho de 2018

ESTRAGOS

Chuva volta a causar transtornos na Capital

30 SET 2010Por DANIELLA ARRUDA00h:00

Pancada de chuva acompanhada de trovoadas fechou o Aeroporto Internacional de Campo Grande durante a manhã de ontem, causando o cancelamento de dois voos, além de resultar em alagamentos na região central e periferia da Capital, desligar dezenas de semáforos e deixar estabelecimentos situados na região do Jardim dos Estados sem energia elétrica por cerca de uma hora. Residências situadas no bairro Jardim Panorama, situado na saída para Três Lagoas, ficaram inundadas pela enxurrada e um carro chegou a ficar atolado na rua, transformada em um rio de lama pela enxurrada.


Segundo moradores, os alagamentos de residências no Jardim Panorama acontecem porque a cada chuva mais forte, toda a água desce do Jardim Noroeste, situado mais acima, para o bairro. Com a pancada de chuva de ontem, a Rua Tibagi, onde estão sendo realizadas obras de drenagem, ficou totalmente coberta pelas águas. Ao tentar manobrar um Ford Fiesta, a motorista do veículo acabou ficando “ilhada” na via.


Trecho da Rua Paulo Coelho Machado, próximo ao cruzamento com a Avenida Afonso Pena, também ficou parcialmente alagado por cerca de 20 minutos em decorrência da enxurrada, formada pelas águas da chuva e pela lama do aterro do Shopping Campo Grande, que está em obras, dificultando a passagem dos carros de passeio pela via.

Sem energia


Durante a chuva, iniciada por volta das 9h, vários cruzamentos semaforizados “apagaram”, entre eles o da Rua Ambrosina com as ruas 15 de Novembro e Ricardo Brandão, na altura do Jatiúka Park; e Joaquim Murtinho com as ruas Bahia, Vendas, Ricardo Brandão e Fernando Corrêa da Costa.


Segundo informações da Enersul, problema em um alimentador da estação Miguel Couto deixou temporariamente sem energia trechos das ruas 15 de Novembro, Rio Grande do Sul e parte da Avenida Afonso Pena, próxima à Prefeitura. A concessionária providenciou reposicionamento de um cabo na altura da Rua Joaquim Murtinho com a Travessa Itaim, nas proximidades da rotatória com a Ceará e Eduardo Elias Zahran. S

egundo assessoria da empresa, houve restabelecimento parcial do fornecimento de energia elétrica em 20 minutos após o corte e restabelecimento total após uma hora. (Colaborou Anahi Zurutuza)

Leia Também