ATESTADO

Chile reconhece Estado como livre de Newcastle

Chile reconhece Estado como livre de Newcastle
08/08/2012 00:00 - DA REDAÇÃO


Mato Grosso do Sul conquistou o reconhecimento de livre da doença de Newcastle (DNC) pelo Chile. A decisão foi comunicada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) pelo Serviço Agrícola e Pecuário (SAG, sigla em espanhol) durante reunião de negociações bilaterais no Brasil. Os encontros foram realizados na segunda-feira (06) e ontem. Com o reconhecimento, o Estado poderá exportar aves para aquele país.

Durante os dois dias, representantes do Ministério e do governo chileno discutiram a ampliação do intercâmbio comercial de produtos agrícolas e pecuários de interesse de ambos os países. As reuniões se realizaram na Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA) e foram conduzidas pelo secretário da SDA, Enio Marques, pelo diretor de Negociações Sanitárias e Fitossanitárias, Lino Colsera, e pelo diretor do Serviço Agrícola e Pecuário do Chile, Anibal Ariztia.

A doença

A doença de Newcastle é uma patologia altamente contagiosa que afecta aves, domésticas e selvagens. Os seus efeitos são mais notavelmente sentidos em aviários pelo seu grande potencial epidémico e por levar a grandes perdas economicas. A doença é endemica em vários países.Entre os assuntos da pauta, negociações relativas a novos requisitos zoossanitários para exportação brasileira de suínos vivos e material genético suíno, além de negociações sanitárias e fitossanitárias.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".