sexta, 20 de julho de 2018

FINADOS

Cemitérios devem receber 70 mil

26 OUT 2010Por DANIELLA ARRUDA03h:50

 Os três cemitérios públicos de Campo Grande preparam-se para receber 70 mil visitantes durante o Dia de Finados e para isso, 60 trabalhadores vêm fazendo serviços de limpeza e pintura de meio-fio e guias nos locais. A expectativa é de que o fluxo de pessoas aumente já a partir de quinta-feira, por causa do feriado do servidor público. Durante esta semana, os cemitérios Santo Amaro, Santo Antônio e São Sebastião (Cruzeiro) permanecerão abertos das 6h às 18h; já no Dia de Finados, a visitação começa mais cedo, a partir das 5h, com previsão de abertura até as 19h ou enquanto houver visitantes.

Conforme informações do responsável pela empresa que administra os cemitérios da Capital, Milton Taira, além da estrutura de manutenção também está sendo organizada a segurança e instalação de banheiros químicos, estes últimos para atender somente os cemitérios Santo Amaro e Cruzeiro (os sanitários do Santo Antônio são considerados suficientes para atender o número de visitantes esperado).

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) também deve fazer até amanhã a demarcação da área para acesso às entradas principais do cemitério, que estabelece distância de 100 metros para os ambulantes que se instalarem nos locais. O trabalho da fiscalização deve envolver pelo menos 70 fiscais da prefeitura.

Consulta internet
Neste ano, a exemplo do ano passado, os visitantes que não souberem a quadra e o lote onde seus parentes estão sepultados poderão fazer a consulta em terminais instalados em cada cemitério. Para isso, basta procurar a administração e informar à secretária o nome da pessoa sepultada. Serão dois terminais por cada local.

Além da consulta no próprio cemitério, também é possível obter as informações no site da prefeitura (www.capital.ms.gov.br), entrando na página da Semadur e abrindo a janela "Consulta de Jazigos". Basta digitar o nome completo, o código para confirmação e aparecerá na tela o nome do cemitério, quadra, lote, responsável pelo jazigo e data de óbito do sepultado.

 

 

Leia Também