Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

MUNDO

Casal canadense decide criar bebê 'sem definir' o sexo

28 MAI 2011Por FOLHA ONLINE05h:32

Um casal de Toronto, no Canadá, causa polêmica no país após a controversa decisão de manter o sexo de seu bebê de 4 meses em segredo, e criá-lo "sem definir" sua identidade sexual.

David Stocker, 39, e Kathy Witterick, 38, dizem que seu bebê de 4 meses, que foi batizado de Storm [Tempestade] deve ser capaz de desenvolver sua identidade sexual sem ter que seguir "estereótipos sociais" ou "atender a expectativas relacionadas com o gênero".

Segundo o casal, apenas seus outros filhos --Jazz, de 5 anos, Kio, de 2, um amigo próximo da família e duas parteiras que ajudaram no nascimento da criança-- conhecem o sexo do bebê.

Em um e-mail enviado à Associated Press, Witterick diz que a ideia de que o mundo todo precisa saber o sexo de um bebê é "pouco saudável, insegura e voyeurista". "Nós sabemos [o sexo] e manteremos a informação de forma segura, saudável e privada (não como um segredo!)", escreveu a mãe.

Depois que o caso chegou à mídia, a decisão está sendo amplamente criticada no país.

Leia Também