Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sábado, 23 de fevereiro de 2019 - 18h13min

Capitão da seleção admite desgaste físico

14 MAI 10 - 07h:50
Milão, Itália

O zagueiro Lúcio admitiu ontem que deve chegar desgastado para a disputa da Copa do Mundo. O defensor da Internazionale, junto com o lateral-direito Maicon e o goleiro Júlio César disputam a final da Liga dos Campeões da Europa no dia 22 de maio, contra o Bayern de Munique, quando o restante da seleção brasileira já vai ter iniciado sua preparação para o Mundial.

O capitão da seleção brasileira, no entanto, acredita que ele e seus companheiros de equipe não terão problemas para superar esse obstáculo e que o Brasil chega com uma equipe forte para a disputa da Copa do Mundo da África do Sul. “Vai exigir um pouco mais da gente. Até o dia 22 temos jogos importantes. Uma final de Copa dos Campeões exige muita concentração. A cobrança e a pressão são muito grandes, mas o orgulho de defender a seleção é maior. Nós vamos tirar de letra essa dificuldade”, disse.

Capitão da equipe comandada por Dunga e praticamente garantido na Copa desde que o Brasil conseguiu sua classificação, Lúcio admitiu ansiedade na hora do anúncio da convocação oficial. “O treinador já tem uma base formada na seleção, mas você sempre espera o momento de ser chamado. Daqui para frente é encarar com muita seriedade e orgulho”, completou.
Descanso

Lúcio sabe do que fala quando opina sobre o desgaste dos jogadores no período que antecede a Copa do Mundo. Ele e seus colegas da Inter de Milão não foram beneficiados pela regra da Fifa, que determina descanso para os jogadores convocados para o Mundial, no período entre 17 e 23 de maio (a seleção apresenta-se no dia 21).
No Brasil, Flamengo e Cruzeiro, que disputam a Libertadores, foram os mais prejudicados pela regra. Kléberson, do Flamengo, estaria fora do duelo contra a Universidad de Chile, no dia 20, e Gilberto, do Cruzeiro, do jogo de volta contra o São Paulo, no próximo dia 19.
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Governo informa que dois caminhões com ajuda entraram na Venezuela

BRASIL

Bolsonaro resgata medidas rígidas que foram propostas pelo PT

Comercial tropeça para Costa Rica e adia classificação
ESTADUAL 2019

Comercial tropeça para Costa Rica e adia classificação

VENEZUELA

'Dia D' de missão humanitária na Venezuela tem confrontos com militares

Mais Lidas